Atlas

março 20, 2015

Vês como estar perto
Apenas nos torna mais distantes?
Somos distantes no tempo, na vida, na alma,
No coração.
Somos distantes.
Nascemos distantes, distintos, famintos
De vida, de rostos, de sonoridade.
Nascemos, e só porque nos atrevemos,
O Mundo mudou
O Destino deu voltas e mais voltas
E agora a vida não pára.
Mentiria se não te confessasse o alívio.
Sabe-me bem.
Mentiria também
Se te jurasse ter Fé
Em mais do que o puro arbítrio.
Não me conformo.
Não me conformarei
Senão traçando eu
O meu próprio caminho.



You Might Also Like

0 comentários