it's a kind of magic

novembro 16, 2016



Há cerca de uma semana, estava a caminhar em direcção à minha Faculdade nova, embalada por uma suave brisa nocturna quando, de repente, fui invadida por um pensamento que me surpreendeu:
deveria ter estado naquele lugar desde sempre.
Sim, é isso.
À medida que eu me ia aproximando da entrada da faculdade, o meu coração sussurrava baixinho: sempre pertenceste a este lugar. Era aqui que deverias ter estado desde o princípio.
Olhei para cima, para a Lua e como ela estava linda naquela noite!
E, naquele preci(o)so momento, tive a certeza: uma vida deslumbrante acabara de começar.


Nota: o texto é inteiramente verídico. Ando a estudar numa Faculdade nova, numa área diferente da minha área de formação original.


Can I have the moon, now?
The moon, please, and your warm arms around my body*

You Might Also Like

4 comentários

  1. QUE BOOOOOOM!!!! A sério, imagino como isso seja uma alegria imensa. Ainda bem que a vida te encaminhou para o caminho certo para ti :) é tão bom quando acontecem essas coisas "mágicas" :)

    Às vezes também penso em fazer algo mais para complementar a minha formação ou em, por outro lado, apostar numa área diferente para ver se saio da situação mais complicada e desanimadora em que estou. Mas a verdade é que o que eu queria era trabalhar (com remuneração, horário fixo, etc.) para então ver se é isso que quero ou não.

    R.: Eu já não me candidato para "estágios" não remunerados. É uma autêntica exploração.
    E tens razão, muitas vezes os primeiros tempos temos de nos "sujeitar" a não ganhar nada para ter alguma experiência e para cumprir o estágio a que a Ordem profissional nos obriga (com todas as suas exigências e esquesitices). Neste momento estou a acompanhar o trabalho do meu patrono, a custo zero para ele, porque é uma situação excepcional em todos os seus contornos (o que não faz com que eu não espere que ele um dia me faça uma proposta profissional!). Ainda assim tenho procurado outras alternativas porque não quero ficar sem saber o que há no mercado, como é que as coisas funcionam, com o que posso contar, mas não quero aceitar um trabalho que não me satisfaça a nível nenhum só para ganhar 500€ e estar desejosa de me vir embora ao fim da primeira semana. Pode ser difícil de entender mas é assim que penso.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem, é ótimo quando nos sentimos no sítio certo no momento adequado :)

    ResponderEliminar