Poetry

julho 02, 2017

Quando é amor, ouves todas as músicas que ele te envia do princípio ao fim.
Quando é
Amor,
Escutas todos os clipes de som uma e outra vez, até perderes a conta
Só porque já te apaixonaste por aquela voz
E o teu dia não seria o mesmo se não a ouvisses.

Quando é amor,
Tu ris, mesmo querendo chorar,
Porque ele inventa a piada mais idiota, na hora,
Só para te ver sorrir.
E queres saber o melhor? Ele consegue!

Quando é
Amor,
Tu encaras cada uma das suas imperfeições 
Como feitio ou detalhe, não como defeito
E até isso tu amas nesse garoto!

Quando é amor,
As horas não são horas,
Nem os dias são dias,
Todo o momento é um segundo veloz,
O único segundo veloz capaz de te tirar o fôlego.

A vida são os instantes 
Em que perdemos a respiração.
Assim o diz o Pedro,
E com toda a razão.

Quando é amor,
Tu não queres outro corpo no teu corpo,
Outra pele na tua pele,
Outra voz no teu ouvido,
Ou outra mão nos teus cabelos.

Tu não queres beijar outra boca
Que não  seja a boca dele,
Não queres

Simplesmente tu já não queres 
Ou nunca quiseste
Porque não era amor.
Sempre será Amor.
💗

You Might Also Like

0 comentários