Buildings

Dancing.

Tudo se transforma.
As ruas, os ventos, os rostos,
As vontades, os desejos, os projectos.
Tudo à minha volta mudou
Sem que nada mudasse verdadeiramente,
Só eu
E quiçá toda a gente.
E essa,
Essa sim, talvez tenha sido a grande mudança.